Vagando em versos

sábado, 13 de março de 2010

Simples assim


_ Haverá ainda, no mundo, coisas tão simples
e tão puras como a água bebida na concha das mãos _

4 comentários:

♥*♥(franciete)♥*♥ disse...

Eu crescia com as flores
Que crescem por esses montes
Comia frutos silvestres
Bebia a água nas fontes


Há lá coisa melhor.
Beijinhos de luz em seu coração, tenha um lindo fim de semana.

Anônimo disse...

A agua bebida em concha na fonte, é como o beijo dado na boca, como a mão passada na nuca, como o mel da cor dos teus olhos...

RicardoAlmeida disse...

Olá Paula,

obrigado pela visita em meu blog e pelo comentário deixado lá. Por falar em teu comentário, se achas que podes ser a idéia que tens de tí próprio... penso que seria sim uma ótima idéia :))

Mas gostei mais da tua visita, porque além do comentário que deixas, tbm me deixas teu perfil dentro dos "seguidores" de meu blog o que me deu a oportunidade de conhecer teu blog. E assim gostaria de te dizer, deixando bem registrado que não é apenas para retribuir, mas, simplismente adorei teu blog. Adorei conteúdo, forma e estilo, lindo mesmo.

Parabéns.

Grande abraço.

Ricardo

Ana Lúcia disse...

Um dicionário diferente

Perfume: É quando mesmo de olhos fechados a gente reconhece quem nos faz feliz.
Amigo: É alguém que fica para ajudar quando todo mundo se afasta.
Saudade: É estando longe, sentir vontade de voar, e estando perto, querer parar o tempo.
Adeus: É quando o coração que parte deixa a metade com quem fica.
Fé: É quando a gente diz que vai escalar um Everest e o coração já o considera feito.
Filhos: É quando Deus entrega uma jóia em nossa mão e recomenda cuidá-la.
Lágrima: É quando o coração pede aos olhos que falem por ele.
Lealdade: É quando a gente prefere morrer que trair a quem ama.
Paz: É o prêmio de quem cumpre honestamente o dever.
Perdão: É uma alegria que a gente se dá e que pensava que jamais a teria.
Simplicidade: É o comportamento de quem começa a ser sábio.
Sinceridade: É quando nos expressamos como se o outro estivesse do outro lado do espelho.
Ternura: É quando alguém nos olha e os olhos brilham como duas estrelas.
Bjs